Lenda do saxofone, Manu Dibango morre aos 86 anos, vítima do coronavírus

Por Marcello Vaz, 24/03/2020.

Foi confirmada nesta terça-feira (24), a morte do lendário músico camaronês Manu Dibango. O saxofonista, foi vítima do coronavírus, e parte aos 86 anos. A notícia surgiu por meio das redes sociais de Dibango, que deixa um enorme legado para a história da música.

Nascido no Camarões, Manu Dibango estava internado em um hospital na França, e acabou não resistindo ao Covid-19. Idoso, o saxofonista fazia parte do grupo risco, uma vez que o coronavírus se faz ainda mais letal em pessoas de idade mais avançada.

Ícone do Afro Jazz, Manu Dibango teve como seu maior sucesso o hit “Soul Makossa”. Lançada na década de 70, a canção fez caiu no gosto de todo mundo, principalmente nos Estados Unidos.

A morte de Manu Dibango foi lamentada por diversas personalidades da música, bem como da política. O saxofonista, parte em meio a crise de saúde vivida em todo o mundo, entretanto seu enorme legada musical, servirá como força para que esse período difícil seja superado.